Tenho ouvido muitas reclamações a respeito da administração municipal de Belmonte. Muitas dessas reclamações surgem de meios de comunicações incoerentes, mal informados, que só visam o interesse próprio e para isso formulam críticas sempre infundadas (redes sociais).
 
O papel do prefeito é mesmo administrar para todos, sem tentar agradar a meia dúzia de pessoas. O prefeito não deve ser bom somente pelo fato de que beneficiou alguém de alguma forma, e nem deve ser ruim porque fez o contrário. Partindo do pressuposto de que administrar é contrariar interesses, é lógico que nem todos ficarão satisfeitos com qualquer que seja a administração, mas nem por isso o gestor deve buscar agradar a todos. O gestor deve mesmo é administrar para todos, mesmo que cometa erros inconscientemente.
 
O bom prefeito é aquele que está a serviço do município, que conhece as necessidades da comunidade e resolve seus problemas. Não só administrar com dedicação e seriedade, mas também prestar contas de seu trabalho. Espera-se dele, fidelidade ao seu povo, liderança política, bom conhecimento dos assuntos da cidade, equilíbrio no enfrentamento de crises e postura de diálogo aliada à capacidade de decisão no tempo oportuno.
 
Sem elencar os avanços por área ou secretaria, entendo  que os resultados obtidos nesses dois meses de governo são  fruto de um esforço conjunto, hoje a gestão ta merecendo nota 7.
 
A valorização do funcionalismo também é um avanço qualitativo na administração municipal, implantou uma política de valorização dos servidores, e esta ciente de que há muito trabalho pela frente, na área da saúde e da educação.
 
Vejo sua equipe de governo focada no planejamento para os próximos meses e anos, quando novas melhorias para a cidade deverão ser anunciadas.
 
Hoje as notas por secretarias são essas:
 
Administração nota 8
Finanças nota 9
Infraestrutura nota 7
Agricultura nota 6
Ação Social nota 7,5
Interior nota 8
Educação nota 7
 
Essas notas são vistas como criticas e elogios que o portalbelmonte recebe via redes sociais.